Esse blog é uma verdadeira caixa de retalhos, escrevo tudo o que quero, lê quem quiser e comenta quem acha alguma coisa.

segunda-feira, 30 de junho de 2008

Pop Stars Problemáticas

Eu estava navegando por um site de Cifras chamado Cifraclub do qual sou colaboradora (envio as cifras para lá) e vi uma notícia sobre a Britney Spears, que ela poderá se apresentar novamente no Video Music Awards, no qual ela passou vergonha o ano passado com uma apresentação pífia.

Todo mundo ficou comentando como ela estava gorda e que tinha se atravessado no playback e todo o tipo de crítica negativa por cima dela. E olha que ela apenas estava tentando dar a volta por cima.


Depois de ver essa notícia lembrei que vi no fantástico ontem a notícia de que a Amy Winehouse (tradução do sobrenome: Casa do Vinho, qualquer semelhança é mera coincidência) tinha dato uns catiripapos num fã durante um show.

Essa pobre mulher está no auge do alcoolismo e da drogadição, está jogando seu talento na latrina e o povo aplaude. Esses tempos ela caiu num show, daí foi internada com suspeita de tuberculose. Como já saiu, se era tuberculose, com o físico que ela tem deveria ter ficado internada até se recuperar.

Mas não o que ela tem é problemas com alcoolismo, que ela mesmo relata na música Rehab cuja tradução está aqui, para os que não forem iluminados no idioma inglês, como eu. Ela diz que não vai se tratar, deplorável.


O cenário musical perde muitos artistas talentosos por causa de drogas e álcool todos os anos, não vou nem começar a listar os nomes, são muitos.

É uma pena, mas vamos ver a queda de Amy não demora muito.

E tomara que Britney se apresente muito bem no Video Music Awards e consiga dar a volta por cima em todos os que torcem para que ela não se recupere. Não que eu goste das músicas da Spears, mas torço pela recuperação de todas as pessoas que se enfiam nas drogas.

É um caminho muito complicado para se trilhar, por isso, mesmo sendo pop star ou não, não se deve experimentar, vai que você gosta do negócio... Aí já viu, fica assim...






quinta-feira, 26 de junho de 2008

Sobre a China

Hoje recebi um daqueles e-mails que deixam a gente mal só de olhar, já tinha comentado anteriormente aqui no blog sobre a China e não me canso de falar a mesma coisa.

A cada vez que leio esse tipo de coisa me pergunto onde vamos parar, será que o ser humano não vai melhorar nunca?

Eu certamente vou boicotar as Olimpíadas da China, primeiro porque vai ser de madrugada para nós, não vou ficar acordada olhando, adoro Olimpíada, Copa do Mundo, mas sacrifícios a parte.

Não vou ir às Olimpíadas pelos simples fato de que não tenho cacife, mesmo!

Não concordo com o que estão fazendo com os Tibetanos que estão quietos na sua crença, agora estão confinados aos mosteiros para que o mundo não os veja.

Depois de ter visto o referido e-mail recebi outro (dia das cenas fortes), com imagens do holocausto. Diz o e-mail que a matéria do holocausto foi tirada do currículo do Reino Unido pois ofende à comunidade de muçulmanos que alega que não houve o holocausto, que ele nunca aconteceu. Muçulmanos e Judeus são eternos inimigos.

O pior de tudo isso é que as pessoas se matam em nome da Religião, onde já se viu, se o Deus é o mesmo, o que muda é a forma como se cultua ele?

Sabe, nós aqui no Brasil vivemos no paraíso e não damos valor, não temos nem a metade do horror que esses povos são obrigados a aguentar todos os dias.

Aqui no Rio Grande do Sul então, vivemos literalmente no paraíso, se formos comparar com outros estados que são muito mais carentes.

E sempre estamos reclamando...

Quando vejo essas coisas tenho vergonha de pertencer à raça humana...



terça-feira, 24 de junho de 2008

Casa Record em Nova Petrópolis


A Rede Record montou uma casa na praça do Imigrante aqui de Nova Petrópolis, todo dia a cidade vai ao ar para todo o Brasil e diversos países do mundo com a Record Internacional.

Estamos nos sentindo muito importantes, se a RBS (local) tem uma casa em Gramado, nós temos uma casa da Record (Internacional) em Nova Petrópolis. Te Mete!




sexta-feira, 20 de junho de 2008

Celebridades do You Tube

Estava garimpando no You Tube umas músicas tocadas em violão para eu ver a batida, já que estou me puxando para tocar violão, dessa vez vai.

Eis que me deparo com um vídeo de uma menina chamada Savannah Outen.

A guria tem diversas músicas gravadas no You Tube com ela tocando vilão e cantando (meio mal é verdade), mas parece ser uma menininha... Depois vi outro vídeo dela já mais produzida e cantando melhor.

Daí fiquei curiosa e fui no Dr. Google e descobri que a guria é praticamente uma celebridade do You Tube. Ela até já gravou CD e tudo.

Daí nesse link que vi no Google falava de uma brasileira Mallu Magalhães, essa sim é boa! Canta as próprias composições e é muito engraçada, chega ser abobada, para falar a verdade.

Mais um sinal dos tempos!


quarta-feira, 18 de junho de 2008

Coisas da Modernidade

Ontem estava me lembrando de coisas engraçadas sobre a modernidade e vou escrever aqui o que lembrei.

Minha falecida avó materna logo que entraram as urnas eletrônicas ela para treinar usou o microondas. Conseguiu votar certinho e depois ficou se gabando que as outras véias da filha ficaram demorando mais que ela!

A minha mãe já tentou abrir a porta do prédio com o controle do portão da garagem. Ela disse que apertou umas 5 vezes o botão até se dar conta que estava com o "dispositivo" errado.

Ontem eu cheguei em casa e quase peguei o Pen Drive para abrir a porta de casa.

Já vi meu marido pegando o telefone sem fio para trocar o canal da TV.

Lembrei agora de uma vídeo cassetada do Faustão que passavam um microfone sem fio para uma senhora e ela colocava no ouvido achando que era telefone.

Esses tempos me vi as voltas com uma máquina de escrever, nossa, que choque cultural, e lembrar que eu já fiz curso de datilografia, mas essa parte deixa para lá...


quarta-feira, 11 de junho de 2008

Para meus leitores imaginários

Sempre que escrevo aqui, imagino que alguém vá ler, então me puxo para escrever bem. Mas a gente nunca tem certeza de que alguém vai ler mesmo, então a gente imagina.

Tenho alguns leitores assíduos que comentam e tal, isso me deixa bem feliz, apesar de eu escrever mais para mim mesma, sempre é bom ter o seu esforço recompensado por recados fofos depois das postagens.

Muito Obrigado aos que já comentam.

E aos que entram aqui só para dar uma conferida, podem tomar coragem de dar apenas um oi, só para eu saber quem me lê...

Entrei aqui só para dizer que mesmo que não se manifestem, todos meus leitores imaginários são muito bem-vindos!

segunda-feira, 9 de junho de 2008

Organizando


Dei uma organizada no blog, era muito marcador, acho que assim fica mais fácil se achar.

Tem posts hilários, o campeão é o do Repelente de mosquito que está no marcador Humor.


Estou sem inspiração hoje, mas prometo escrever em breve. Terei novidades do Estágio (de novo).


terça-feira, 3 de junho de 2008

Novos Aprendizados

Estou aprendendo uma coisa nova!

Na era neolítica, eu tentei tocar violão, devia ter uns 9 ou 10 anos, doía meus dedos, o professor era chato, as aulas eram no apartamento dele, eu não gostava, parei.

Depois com uns 15/16 anos tentei tocar teclado, era muito chato, nunca acertava as teclas certas, o professor era meio meu conhecido e também não deu certo.

Agora há algum tempo, tentei tocar flauta, mas também não me acertei, sei tocar alguma coisa, mas quando começou a ficar difícil parei.

A minha nova tentativa está sendo no violão. Peguei o violão da minha cunhada que é de cordas de nylon para tocar, pois o de cordas de aço que temos machuca muito os dedos sensíveis de iniciante. Tem que fazer um calinho. Todo bom tocador de violão tem calo na ponta dos dedos da mão esquerda.

Sábado peguei o violão pela primeira vez e tentei tocar, não saiu muita coisa. No domingo a noite, quando o Silver foi tomar banho, me senti corajosa e comecei a tocar pra valer. Toquei várias musiquinhas com os acordes A, D e E. Até que estou me saindo bem.

O único problema é que doem as pontas dos dedos. Parece que tem um buraco nos dedos, mas ontem ao meio dia peguei o violão mesmo assim, já que a noite tinha aula. Hoje a noite vou tocar mais um pouco.

Será que dessa vez aprendo a tocar (finalmente) um instrumento?