Esse blog é uma verdadeira caixa de retalhos, escrevo tudo o que quero, lê quem quiser e comenta quem acha alguma coisa.

segunda-feira, 30 de junho de 2008

Pop Stars Problemáticas

Eu estava navegando por um site de Cifras chamado Cifraclub do qual sou colaboradora (envio as cifras para lá) e vi uma notícia sobre a Britney Spears, que ela poderá se apresentar novamente no Video Music Awards, no qual ela passou vergonha o ano passado com uma apresentação pífia.

Todo mundo ficou comentando como ela estava gorda e que tinha se atravessado no playback e todo o tipo de crítica negativa por cima dela. E olha que ela apenas estava tentando dar a volta por cima.


Depois de ver essa notícia lembrei que vi no fantástico ontem a notícia de que a Amy Winehouse (tradução do sobrenome: Casa do Vinho, qualquer semelhança é mera coincidência) tinha dato uns catiripapos num fã durante um show.

Essa pobre mulher está no auge do alcoolismo e da drogadição, está jogando seu talento na latrina e o povo aplaude. Esses tempos ela caiu num show, daí foi internada com suspeita de tuberculose. Como já saiu, se era tuberculose, com o físico que ela tem deveria ter ficado internada até se recuperar.

Mas não o que ela tem é problemas com alcoolismo, que ela mesmo relata na música Rehab cuja tradução está aqui, para os que não forem iluminados no idioma inglês, como eu. Ela diz que não vai se tratar, deplorável.


O cenário musical perde muitos artistas talentosos por causa de drogas e álcool todos os anos, não vou nem começar a listar os nomes, são muitos.

É uma pena, mas vamos ver a queda de Amy não demora muito.

E tomara que Britney se apresente muito bem no Video Music Awards e consiga dar a volta por cima em todos os que torcem para que ela não se recupere. Não que eu goste das músicas da Spears, mas torço pela recuperação de todas as pessoas que se enfiam nas drogas.

É um caminho muito complicado para se trilhar, por isso, mesmo sendo pop star ou não, não se deve experimentar, vai que você gosta do negócio... Aí já viu, fica assim...






Nenhum comentário: