Esse blog é uma verdadeira caixa de retalhos, escrevo tudo o que quero, lê quem quiser e comenta quem acha alguma coisa.

sábado, 30 de agosto de 2008

Eu vejo flores em você


Esse blog anda muito Preto e Branco, resolvi colorir um pouco isso daqui e de quebra mostrar a linda flor que compramos para colocar na área. O nome dessa flor é Brinco de Princesa, as flores são lindas e delicadas, não se pode tocar muito nela são ela se desprende e cai do galho =(

Além do mais, estou enfrentando uma fase sem inspiração sobre o que escrever...

terça-feira, 26 de agosto de 2008

Tempo, ou falta dele!

Nossa, esse negócio de tempo é mesmo complicado. Uma sucessão de dias que passam voando e quando a gente se dá conta, um mês já se passou... E um mês a gente deixou de fazer coisas que eram muito importantes na vida da gente há um mês e agora ficam em segundo plano.
Sim, é o caso do blog...
Como eu já avisei há algumas postagens atrás eu estou em estágio e o tempo tem se tornado algo muito raro na minha vida. Mas algumas coisas no meio dessa correria me fazem parar, como foi o caso de hoje.
Fui para Porto Alegre com um ônibus fretado pela Unisinos para assistir uma palestra, que por sinal não foi muito boa, eis que tivemos que trocar de ônibus e esqueci meu caderno dentro do ônibus anterior.
Ou seja, tive que correr atrás dele para ver onde estava.
Então, agora estou "matando" tempo no computador, pois meu caderno chega com o ônibuas as 19:30. Muito chique ele, já anda sozinho de ônibus, que mãe desnaturada que eu sou!!!
Então, como eu esatava dizendo tem certas coisas que obrigam a gente a parar e fazer as coisas que a gente gostaria de fazer caso tivesse tempo, atualizar o blog, por exemplo, é algo que eu tenha deixado de fazer por falta de tempo, mas que eu amo fazer, e tomara que eu não tenha que esquecer muitas coisas no ônibus para ter tempo de postar por aqui!
Só sei que eu só não esqueço a cabeça pois ela está grudada no pescoço!

quarta-feira, 6 de agosto de 2008

Um começo...

Então, ontem foi o primeiro dia, mas deveria ter sido o segundo...
"Esqueci" de ir na primeira reunião e acho que perdi algumas coisas importantes...
Mas nada como ter uma "madrinha" que explica tudo e que me apresenta aos lugares e pessoas...
Já posso dizer uma coisa, vai ser bem cansativo, pois vou concentrar tudo entre segunda-feira a tarde e quarta-feira pela manhã, são 20 horas de estágio/supervisão e mais uma disciplina. Vou dormir duas noites fora, na casa da minha vó querida e assim economizo passagens mas também vou fazer sobrar saudades de casa, da minha cama, do gato e, principalmente, do marido!
Mas isso faz parte do processo, todos passam e sobrevivem, e comigo não será diferente.
Com o tempo, acho que acostuma também, por um lado também será bom, pois terei mais dias livres, conseguindo concentrar tudo nesses turnos.
Já fui apresentada a algumas coisas, mas ainda não vi nada na prática, somente na terça-feira terei a oportunidade de assistir a uma mediação.
Também estou na expectativa de quem será o meu orientador de estágio...

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

É amanhã!

Nossa, esperei tanto por isso e agora já estou vivendo o momento!
Amanhã começa o meu estágio profissional, será um ano e meio de muito estudo de muito aprendizado, de muita coisa boa e de muito esforço também.
Terei que abrir mão de coisas que eu gosto de fazer em prol do meu aprendizado. Coisas como ensaios de canto, coral, ficar uma noite só vendo TV, ou dormir até tarde nos dias de folga.
Espero não abandonar o estudo do violão, disso eu não abro mão!
Mas se a gente não sai da zona de conforto a gente não evolui, não chega a lugar algum, vou procurar ver tudo pelo lado positivo (vou tentar), mas vai ter horas em que eu vou esbravejar, vou ficar irritada e vou soltar os cachorros em alguém (tomem cuidado!).
Mas depois quando tudo terminar, vou olhar para trás e lembrar de tudo com muita saudade, já vi muitos colegas dizendo que o estágio é a melhor fase do curso, mesmo com todos os problemas e correrias que acontecem.
É engraçado, como a gente espera por algo tanto tempo, é muita ansiedade e expectativa, e quando chega o grande dia, dá um nervoso, uma angústia de saber como é, se vai dar certo, se fizemos a escolha certa, mas isso faz parte do aprendizado.
Espero coisas boas, espero colegas bacanas, espero aprendizados imensos, espero não abandonar algumas coisas que prezo muito, nem as muitas pessoas de quem gosto e as poucas pessoas que amo muito.
Espero sobreviver a tanta ansiedade!

sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Criança Esperança

Estamos no mês infernal do Criança Esperança, amanhã a noite tem o show do tal negócio.
Já pararam para calcular o quanto se gasta para fazer o maldito show, em iluminação, contratar figurantes para fazer as dancinhas sem graça, as horas que se perde para organizar tudo?
Será que se a Globo doasse tudo o que se gasta, mais as empresas que "doam" os valores, em troca de publicidade positiva para suas imagens, os artistas que se prestam a ficar lá gritando os números de doação, o Didi que fica mandando cartinhas pedindo doações a nós assalariados que somos assaltados por impostos exorbitantes todos os dias.
Será que se juntasse todo o dinheiro que sai na válvula de escape das medidas provisórias, não teríamos um Brasil Esperança muito mais polpudo?
Eu nunca doei nem nunca irei doar, pois o dinheiro doado aqui no RS não fica aqui, vai todo para o nordeste. Sem falar que a própria ligação para fazer a maldita doação deve ser paga, por nós é claro! Até nisso a empresa de telefonia lucra, será que ela doa o valor das ligações ao programa depois? Pode até doar, mas deve fazer um marketing federal em cima disso!
O RS está pedindo essa semana um empréstimo ao BID para pagar uma dívida com a União. Os juros do Banco Internacional do Desenvolvimento são menores do que os da União (leia-se Brasil). Depois ainda acham estranho quando nós gaúchos falamos em separatismo!
É, acho que estou em um dia de revolta. Mas só sei que tem muita coisa errada nesse Brasil.